Mensagens

  • 17/02/2019

    30 ANOS – Jesus – 18:23h ...

    Quanta aprendizagem nestes 30 anos, ou menos, com o Senhor! São poucos os que recebem orientações do céu, vocês são alguns deles. Mas isto não ...
  • 15/02/2019

    SÃO TANTAS AS FISIONOMIAS – Menin...

    São tantas as fisionomias; isto deixa as pessoas muito confusas, mas garanto que não se deve fazer um juízo precipitado sem conhecimento de causa. ...
  • 15/02/2019

    MARAVILHADOS – São Miguel do Bom ...

    Olham de perto os que te conhecem e ficam maravilhados pelo teu testemunho no dia a dia; mas são poucos os que percebem que é uma luta diária, uma ...
  • 12/02/2019

    PROFETAS DOS ÚLTIMOS TEMPOS – 21:...

    São tantas as mensagens recebidas, vocês podem até questionar ou duvidar, mas deveria ser o contrário, deveria se questionar porque do céu vir à...
  • 12/02/2019

    EIS QUE ESTOU À PORTA E BATO – Je...

    É difícil para vocês compreenderem como posso entrar em vossos lares nesta hora de adoração, estar ao mesmo tempo em tantos lugares; como que um ...

O Mensageiro



Um convite amoroso naquele dia veio do céu, ficaste muito preocupado, pois nem imaginava do que se tratava, simplesmente correste para a minha Igreja. Fizeste bem; não recebeste apoio, não faz mal, eles e tantos outros te rejeitaram, mais eu não. Na tua miséria venho me comunicar com a humanidade, mesmo você não se achando digno. Me questionaste muito meu pequenino: não faça muita pergunta, apenas obedeça; não proves a ninguém, deixe que o tempo e a missão se encarregam. Veja minha Maria Faustina quanto tempo levou; foi preciso uma centelha de luz sair da Polônia “João Paulo II” para que a minha obra se concretizasse; você não é diferente dos santos e dos profetas. O que escrevo é para que saibais que o Menino-Deus tem toda autoridade para levantar profetas para levar por estas imensas estradas a minha mensagem de amor e misericórdia. Ainda é tempo, muito breve todas as portas se fecharão, um silêncio tomará conta do mundo, o tempo se esgotou. Disse à Polonesa: “ainda resta uma tábua de salvação: a minha misericórdia “, não joguem fora, abracem como eu abracei a cruz, olhem para minha pequenina imagem. Vâner Luiz Batista de Carvalho, VANINHO, Mensageiro do MENINO JESUS